Inundações na Índia já mataram mais de mil pessoas

Equipes de salvamento utilizam helicópteros e barcos na sexta-feira (17), para resgatar milhares de pessoas presas em telhados após uma inundação sem precedentes no Estado de Kerala, sul da Índia, que já matou mais de 320 pessoas nos últimos nove dias, informaram autoridades.

Mais de 1,5 mil campos estatais foram inundados, ilhando os moradores. Desde o início da temporada de monções, mais de mil pessoas morreram em sete Estados da Índia.
Segundo os serviços de emergência, mais de 12 helicópteros e cerca de 400 barcos são utilizados nos trabalhos. A maior autoridade do Estado, Pinarayi Vijayan, disse a repórteres que ao menos 324 pessoas morreram e mais de 220 mil estão desabrigadas. As fortes chuvas dos últimos nove dias desencadearam enchentes, deslizamentos de terra e desabamentos de moradias e pontes, além da interrupção de serviços aéreos e ferroviários em Kerala, que é destino turístico popular, com cachoeiras e praias.
As chuvas de monção matam centenas de pessoas na Índia anualmente. A temporada dura de junho a setembro. Desde junho, as inundações decorrentes das monções atingiram fortemente 12 dos 14 distritos de Kerala, danificando milhares de casas. O canal de notícias New Delhi Television informou que o Estado enfrenta uma crise, com alguns hospitais relatando escassez de oxigênio e postos de gasolina sem combustível (AP/AE).

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

0 Shares
Share via
Copy link
Powered by Social Snap