95 views 5 mins

Como a jornada do cliente pode nortear estratégias para a Black Friday?

em Destaques
quinta-feira, 22 de setembro de 2022

Faltando pouco para o evento mais aguardado entre comerciantes e clientes, a Black Friday deste ano deve envolver cerca de 50% dos consumidores, com uma perspectiva de crescimento nas vendas de 62% no semestre, de acordo com Pesquisa de Consumo do IM Globo.

Para o segundo semestre, os consumidores estão em busca de produtos como: roupas, acessórios, calçados, smartphones, smart TVs e computadores. Além disso, vale ressaltar que também haverá a Copa do Mundo em novembro, e que esse fator deverá movimentar ainda mais o comércio.

Segundo a pesquisa do IM Globo, 56% dos brasileiros afirmam que vão comprar produtos relacionados à competição esportiva, enquanto 72% já têm a intenção de comprá-los na Black Friday. De olho nessa crescente demanda, as empresas que buscam aproveitar e se destacar nessa data, precisam investir em um bom planejamento estratégico que contemple todas as etapas de compra.

Pensando nisso, Bruno Stuchi, CEO e fundador da Co.Aktion, ecossistema de soluções de CX que integra pessoas, empresas e tecnologias, destacou algumas dicas importantes de como melhorar essa jornada e oferecer experiências completas e únicas, durante e após a Black Friday. Confira:

  1. – Oferecer soluções maduras de atendimento – As empresas precisam estar atentas e se planejar para essa época, muito antes do mês de novembro. Especialmente no que se refere a investir em tecnologias que reduzam o atrito do cliente durante e após a compra.

Ajustar todo o caminho do usuário é uma ótima estratégia para melhorar as taxas de conversão.

  1. – Provisionar possíveis erros – Investir em uma boa experiência também significa mapear com muito cuidado quais possíveis erros podem ocorrer durante a jornada do cliente, e pensar em como solucioná-los antes do dia da promoção.

Aplicar ferramentas tecnológicas voltadas para compra e atendimento do cliente, bem como fazer uma boa revisão de todo o processo de compra, são fundamentais para uma experiência bem sucedida.

  1. – Investir em uma comunicação clara e assertiva – Qualquer demora, ou pequeno erro, pode ser o suficiente para o cliente procurar outro site no meio de tantas promoções.

Por isso, é muito importante conhecer o seu público e investir em tecnologia úteis e práticas, como chatbots, por exemplo, que além de trazer uma linguagem mais fluida e informal, também pode trazer métricas sustentáveis no dia a dia com os clientes.

  1. – Personalização do atendimento – Compreender as necessidades do seu público é a melhor forma de se relacionar com ele. Entender mais sobre o comportamento, e saber quais são seus canais preferidos de comunicação é o primeiro passo para estabelecer essa conexão.

Lembre-se sempre que criar vínculo é um dos principais pilares para a retenção e fidelização do cliente, pois quando ele se conecta com a sua marca e com a sua solução, dificilmente ele vai buscar outro produto ou serviço na concorrência.

  1. – Fique de olho nos próximos eventos – Pensando que após a Black Friday teremos o evento da Copa do Mundo e depois o Natal, as empresas devem ter em mente que terão, além de uma grande demanda, um longo período de relacionamento com seus clientes, e vale a pena investir em estratégias para conseguir explorar essas oportunidades.

Aqui é importante considerar não só a conversão em vendas mas, principalmente, manter um bom relacionamento com esses clientes, mesmo após esse período de alta. – Fonte e outras observações: (https://coaktion.com/).