ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Caiu a venda de novas cotas de consórcios no 1º trimestre

Foram negociadas no período 508,6 mil novas cotas ante 588 mil entre janeiro e março de 2015.

A comercialização de novas cotas de consórcios, incluindo os contratos para aquisições de imóveis, veículos e serviços em geral, caiu 13,5%, no primeiro trimestre sobre igual período do ano passado, segundo balanço divulgado pela Associação Brasileira de Administradoras de Consórcios (Abac)

Foram negociadas no perío­do 508,6 mil novas cotas ante 588 mil entre janeiro e março de 2015.
Os dados, no entanto, mostram que em março ocorreu estabilidade na base de participantes com um total de 7,11 milhões de consorciados ante 7,09 milhões em março do ano passado. O volume de créditos comercializados, no acumulado do ano até março, alcançou R$ 16,94 bilhões, valor 18,2% inferior ao registrado no primeiro trimestre de 2015. Já o total de créditos disponibilizados aumentou 3,2% alcançando R$ 10,52 bilhões.
No setor de veículos leves (automóveis, caminhonetas e utilitários), as vendas de novas cotas caíram 8,6%, mas houve crescimento de 6,3% na base de participantes que soma 3,22 milhões de consorciados. O total de créditos disponibilizados aumentou 8,6% atingindo R$ 5,56 bilhões. No segmento de veículos pesados (caminhões, ônibus , semirreboques, tratores e implementos) as vendas de novas cotas caíram 16,8%. Também houve retração de 5,6% na comercialização de novas cotas no setor de imóveis. Já em serviços, a comercialização aumentou 38,6% com valor médio negociado de R$ 6,5 mil, 10,2%.
O presidente executivo da Abac, Paulo Roberto Rossi afirmou, por meio de nota, que ocorreram retrações em vários segmentos por causa da falta de confiança e incertezas geradas pelo atual momento político e econômico. “Essas incertezas têm provocado adiamento de negócios, com a consequente redução de vendas”, afirmou (ABr).

Vendas no comércio caíram de fevereiro para março

A maior queda foi observada no setor de tecidos, vestuário e calçados.

O volume de vendas no comércio varejista recuou 0,9% de fevereiro para março deste ano, segundo dados da Pesquisa Mensal de Comércio, do IBGE. A queda foi registrada depois de uma alta de 1,1% de janeiro para fevereiro. As vendas recuaram 5,7% na comparação com março de 2015; 7% no acumulado do ano e 5,8% no acumulado de 12 meses. Seis das oito atividades do comércio varejista tiveram queda nas vendas de fevereiro para março.
A maior foi observada no setor de tecidos, vestuário e calçados (-3,6%). As outras quedas foram registradas nas atividades de outros artigos de uso pessoal e doméstico (-2,5%), supermercados, alimentos e bebidas (-1,7%), combustíveis e lubrificantes (-1,2%), móveis e eletrodomésticos (-1,1%) e livros, jornais, revistas e papelaria (-1,1%). Por outro lado, foram registrados aumentos no volume de vendas nas atividades de equipamento e material para escritório, informática e comunicação (6,1%) e artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos e de perfumaria (0,7%).
A receita nominal teve queda de 0,4% de fevereiro para março, mas subiu 6,2% na comparação com março de 2015, 4,7% no acumulado do ano e 3,1% no acumulado de 12 meses. O chamado varejo ampliado, que inclui materiais de construção e vendas de veículos e peças, além dos oito segmentos do varejo, teve quedas, no volume de vendas, de 1,1% na comparação com fevereiro deste ano, de 7,9% na comparação com março de 2015, de 9,4% no acumulado do ano e de 9,6% no acumulado de 12 meses (ABr).

 

Mais artigos...

  1. Economia 11/05/2016
  2. Economia 10/05/2016
  3. Economia 07 a 09/05/2016
  4. Economia 06/05/2016
  5. Economia 05/05/2016
  6. Economia 04/05/2016
  7. Economia 03/05/2016
  8. Economia 30/04 a 02/05/2016
  9. Economia 29/04/2016
  10. Economia 27/04/2016
  11. Economia 26/04/2016
  12. Economia 16/04/2016
  13. Economia 21 a 25/04/2016
  14. Economia 20/04/2016
  15. Economia 19/04/2016
  16. Economia 16 a 18/04/2016
  17. Economia 15/04/2016
  18. Economia 14/04/2016
  19. Economia 13/04/2016
  20. Economia 12/04/2016
  21. Economia 09 a 11/04/2016
  22. Economia 08/04/2016
  23. Economia 07/04/2016
  24. Economia 06/04/2016
  25. Economia 05/04/2016
  26. Economia 02 a 04/04/2016
  27. Economia 01/04/2016
  28. Economia 31/03/2016
  29. Economia 30/03/2016
  30. Economia 29/03/2016
  31. Economia 25 a 28/03/2016
  32. Economia 24/03/2016
  33. Economia 23/03/2016
  34. Economia 22/03/2016
  35. Economia 19 a 21/03/2016
  36. Economia 18/03/2016
  37. Economia 17/03/2016
  38. Economia 16/03/2016
  39. Economia 15/03/2016
  40. Economia 12 a 14/03/2016
  41. Economia 11/03/2016
  42. Economia 10/03/2016
  43. Economia 09/03/2016
  44. Economia 08/03/2016
  45. Economia 05 a 07/03/2016
  46. Economia 04/03/2016
  47. Economia 03/03/2016
  48. Economia 02/03/2016
  49. Economia 01/03/2016
  50. Economia 27 a 29/02/2016
  51. Economia 26/02/2016
  52. Economia 25/02/2016
  53. Economia 24/02/2016
  54. Economia 23/02/2016
  55. Economia 20 a 22/02/2016
  56. Economia 19/02/2016
  57. Economia 18/02/2016
  58. Economia 17/02/2016
  59. Economia 16/02/2016
  60. Economia 13 a 15/02/2016
  61. Economia 12/02/2016
  62. Economia 06 a 10/02/2016
  63. Economia 05/02/2016
  64. Economia 11/02/2016
  65. Economia 03/02/2016
  66. Economia 02/02/2016
  67. Economia 30/01 a 01/02/2016
  68. Economia 29/01/2016
  69. Economia 28/01/2016
  70. Economia 27/01/2016
  71. Economia 23 a 26/01/2016
  72. Economia 22/01/2016
  73. Economia 21/01/2016
  74. Economia 20/01/2016
  75. Economia 19/01/2016
  76. Economia 16 a 18/01/2016
  77. Economia 15/01/2016
  78. Economia 14/01/2016
  79. Economia 13/01/2016
  80. Economia 12/01/2016
  81. Economia 09 a 11/01/2016
  82. Economia 08/01/2016
  83. Economia 07/01/2016
  84. Economia 06/01/2016
  85. Economia 05/01/2016
  86. Economia 31/12/2015 a 04/01/2016
  87. Economia 30/12/2015
  88. Economia 29/12/2015
  89. Economia 24 a 28/12/2015
  90. Economia 23/12/2015
  91. Economia 22/12/2015
  92. Economia 19 a 21/12/2015
  93. Economia 18/12/2015
  94. Economia 17/12/2015
  95. Economia 16/12/2015
  96. Economia 115/12/2015
  97. Economia 12 a 14/12/2015
  98. Economia 11/12/2015
  99. Economia 10/12/2015
  100. Economia 09/12/2015

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171