ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Anbima reduz projeção do PIB de 2019 para 1,5%

A projeção de crescimento do PIB em 2019 foi reduzida para 1,5% pelo Comitê de Acompanhamento Macroeconômico da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais).

Anbima temporario

A perspectiva é que não haja crescimento no primeiro trimestre. Foto: Marcos Santos/USP Imagens

Este é o terceiro corte consecutivo para o indicador. A revisão para baixo foi motivada pelas dúvidas em relação às condições políticas para a aprovação da reforma da previdência, com a possibilidade de que a votação se dê apenas no segundo semestre.


Para o grupo, é preciso haver recuperação na confiança dos consumidores e das empresas para que haja retomada do crescimento econômico. A perspectiva é que não haja crescimento no primeiro trimestre, com possibilidade de retração da atividade econômica no período. Para o segundo, terceiro e quarto trimestres, as projeções são de 0,50%, 0,76% e 0,70%, respectivamente.

A projeção da taxa Selic foi mantida em 6,5% ao longo deste ano. A mínima e a máxima projetadas para o final de 2019 são 5,5% e 7,5%. A estimativa para o IPCA foi revisada para cima em relação à reunião passada, mas continua abaixo da meta de 4,25%: de 3,8% em março para 4,0% em maio.

Segundo o grupo de economistas, o dólar deve estar R$ 3,70 no final de 2019, mesma projeção da última reunião, que representa uma valorização de 4,5% da moeda brasileira para o ano. A percepção é de que o ambiente global apresenta menos risco de recessão nas principais economias (AI/Anbima).

Empresários otimistas em relação às vendas para o Dia das Mães

Empresarios temporario

80% dos empresários entrevistados pela Boa Vista sobre a expectativa de vendas para o Dia das Mães demonstraram otimismo nesta data, em comparação ao mesmo período do ano passado, e acreditam que vão vender mais ou igual ao ano passado.

Feita com pouco mais de 800 respondentes, representantes de empresas de micro, pequeno, médio e grande portes, das principais regiões brasileiras, a pesquisa da Boa Vista constatou ainda que, de um modo geral, 12% dos empresários estavam dispostos a contratar mais mão de obra este ano, justamente prevendo atender este aumento da demanda.

Já para alavancar as vendas, 44% dos empresários informaram que facilitariam as formas de pagamento das compras realizadas pelos consumidores. Outros 37% que concederiam descontos, e 19% que realizariam promoções. Para os mais otimistas, ou seja, aqueles que esperam vender mais neste Dia das Mães, 91% disseram acreditar que os consumidores gastarão igual ou mais na comparação com 2018 (Boa Vista SCPC).

Saída de dólares do país supera entrada em abril

Agência Brasil

O saldo de entrada e saída de dólares do país ficou negativo pelo segundo mês seguido. Em abril, as saídas superaram as entradas em US$ 1,625 bilhão, informou ontem (8) o Banco Central (BC). Em março, o saldo negativo ficou em US$ 4,237 bilhões.

No mês passado, o fluxo financeiro (investimentos em títulos, remessas de lucros e dividendos ao exterior e investimentos estrangeiros diretos, entre outras operações) registrou saldo negativo de US$ 5,751 bilhões e o comercial (operações de câmbio relacionadas a exportações e importações) teve saldo positivo de US$ 4,126 bilhões.

De janeiro a 3 de maio, o saldo está positivo em US$ 3,690 bilhões. O fluxo financeiro registra saldo negativo de US$ 5,496 bilhões e o comercial está positivo em US$ 9,187 bilhões.

Chanceler na Hungria para expandir relações bilaterais

Agência Brasil

Em sua viagem por países integrantes da Otan, o chanceler Ernesto Araújo chega hoje (9) a Budapeste, na Hungria, onde terá reuniões de trabalho com o ministro dos Negócios Estrangeiros e Comércio Exterior da Hungria, Péter Szijjártó, e com o presidente do Parlamento, László Kövér. O objetivo é discutir formas para incrementar as relações bilaterais, em especial, nos campos de economia e comércio, cooperação política, defesa, ciência e tecnologia e inovação.

O chanceler falará a respeito de vantagens sobre os equipamentos da indústria de defesa brasileira, especialmente sobre os aviões KC 390, produzidos pela Embraer. Eles transportam tropas e de cargas. Antes da Hungria, o chanceler brasileiro esteve na Itália, onde manteve encontros com o vice-primeiro-ministro Matteo Salvini. No que se refere à indústria de defesa, a visita do ministro Ernesto Araújo faz parte dos esforços da indústria nacional de equipamentos militares e aviões para vender produtos desenvolvidos com potencial para atender à crescente demanda europeia.

Inflação pelo IGP-DI cai de 1,07% para 0,9%

Agência Brasil

O Índice Geral de Preços–Disponibilidade Interna (IGP-DI) registrou inflação de 0,9% em abril. A taxa é menor que a de março (1,07%). Segundo a Fundação Getulio Vargas (FGV), o índice acumula inflação de 3,33% no ano e de 8,25% em 12 meses. A queda da taxa foi puxada pelos preços no atacado e no varejo.

A inflação do Índice de Preços ao Produtor Amplo, que mede o atacado, caiu de 1,35% em março para 1,09% em abril. A taxa do Índice de Preços ao Consumidor, que mede o varejo, caiu de 0,65% para 0,63% no período. Por outro lado, o Índice Nacional de Custo da Construção subiu de 0,31% em março para 0,38% em abril. O IGP-DI foi calculado com base em preços coletados entre 1º e 30 de abril.

 
Mais Lidas

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/storage/0/5e/4e/jornalempresasenegoc/public_html/modules/mod_sp_facebook/mod_sp_facebook.php on line 84

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171