ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Justiça cassa mandato da prefeita Rosinha Garotinho

A Justiça Eleitoral de Campos dos Goytacazes, no norte fluminense, cassou o mandato da prefeita Rosinha Garotinho (PR), ex-governadora do Rio de Janeiro, por abuso do poder político e econômico.

Rosinha e o vice, Francisco Arthur de Souza Oliveira, o Dr. Chicão (PP), também condenado, são acusados de contratar 1.166 servidores temporários às vésperas das eleições de 2012.
O juiz Luiz Alfredo Carvalho Júnior, da 99ª Zona Eleitoral, determinou suspensão dos direitos políticos de Rosinha e Chicão por oito anos, a contar de 2012. A prefeita e o vice podem continuar nos cargos até que sejam julgados os recursos apresentados ao TRE-RJ. Rosinha é mulher do ex-governador Anthony Garotinho (PR), atual secretário de Governo de Campos. O juiz apontou “flagrante uso da máquina administrativa, notadamente de seus recursos e estrutura funcional, para, lograr benefício individual”.
O PR-RJ negou qualquer infração eleitoral e informou que os contratos foram feitos por meio de Regime Especial de Direito Administrativo (Reda) dentro do prazo legal. Esta é a terceira vez que a prefeita tem o mandato cassado, mas ela sempre recorreu a instâncias superiores e ficou no cargo (AE) .

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171