ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Contas de Dilma são regulares

O ministro do Planejamento, Nelson Barbosa, disse que todas as operações financeiras feitas pelo governo estão dentro da lei.

“São operações que foram objeto de aprovação pelo próprio TCU em exercícios anteriores; são operações que tem por objetivo adaptar a política fiscal para uma melhor evolução da economia”, disse ao deixar a sala da liderança do PT na Câmara.
O governo tem até o dia 22 de julho para explicar pontos questionados pelo TCU, responsável pela análise das contas do Executivo. A presidenta Dilma Rousseff reuniu-se com ministros, presidentes e líderes de partidos da base aliada para apresentar as justificativas. Nelson e o advogado-geral da União, Luís Adams, assumiram a missão de repassar as explicações aos parlamentares.
Segundo Barbosa, a questão é complexa e técnica “apesar de parecer bastante política”. O TCU elencou 13 perguntas. “É um tema complexo que exige explicação detalhada para que as pessoas possam entender melhor o que cada ponto inclui. É um trabalho para melhorar a informação e transmitir a posição do governo”, disse (ABr).

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171