ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Brasil repatria R$ 77,4 milhões

Já está na conta do Tesouro Nacional o valor de US$ 19.419.496,73 (cerca de R$ 77,4 milhões) - que havia sido depositado pelo ex-juiz federal, João Carlos da Rocha Mattos, na Suíça.

A comunicação do repatriamento foi feita pela Coordenação de Recuperação de Ativos do Ministério da Justiça. Rocha Mattos foi acusado de ser o mentor de uma organização criminosa que negociava decisões judiciais, desmantelada na Operação Anaconda. Deflagrada em 2003, resultou em várias ações penais propostas pelo Ministério Público Federal (MPF).
A Justiça Federal de São Paulo reconheceu que o ex-juiz participou de quadrilha voltada à prevaricação, corrupção, fraude processual, tráfico de influência, peculato e lavagem de dinheiro, dentre outros crimes. Em 2012, transitou em julgado, ou seja, sem possibilidade de recurso, a condenação de Rocha Mattos por corrupção passiva. Ele perdeu a toga (AE).

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171