ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Oposição tenta formar bloco único na Câmara

Parlamentares do PT se reuniram na manhã de ontem (22), com integrantes do PSOL e do PSB para discutir a formação de um bloco único de oposição na Câmara dos Deputados.

A intenção dos três partidos é tentar ampliar o grupo com o PCdoB, PDT e Rede. A expectativa, no entanto, é que uma oficialização do bloco só ocorra na semana que vem.

Os comunistas e os pedetistas, no entanto, já sinalizaram que podem apoiar a reeleição do atual presidente da Casa, Rodrigo Maia. Ele conta com o apoio do PSL, partido do presidente Jair Bolsonaro. O movimento das duas siglas rachou o bloco que havia sido formado anteriormente entre as duas siglas e o PSB. "Não há a menor chance do nosso partido se alinhar a Maia. Isso está descartado. Ele é o candidato de Bolsonaro e nós temos que honrar a nossa condição de oposicionistas", afirmou Carlos Siqueira, presidente do PSB, após a reunião.

"Isso é fundamental para fazermos um enfrentamento firme do governo Bolsonaro que já está mostrando que não tem capacidade de sustentação pelo que está acontecendo em relação ao seu filho", afirmou a deputada eleita e presidente do PT, Gleisi Hoffmann (PR), em referência às denúncias contra o senador eleito Flávio Bolsonaro (PSL-RJ), filho do presidente Jair Bolsonaro (AE).

Mais Lidas

Strict Standards: Only variables should be assigned by reference in /home/storage/0/5e/4e/jornalempresasenegoc/public_html/modules/mod_sp_facebook/mod_sp_facebook.php on line 84

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171