ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Irene Azevedoh (*)

Sua Marca é a percepção criada quando as pessoas conhecem e interagem com você.

Em tempos de crise ou não, haverá sempre necessidade de foco, disciplina e, sobretudo, exigirá algumas vezes um olhar mais fora da caixa para sua trajetória profissional para a construção de uma Marca Pessoal forte. Deve-se, então, começar por olhar para suas habilidades, seus motivadores e valores e verificar em que atividades, áreas da empresa, se estiver empregado, e/ou em que empresas haverá o melhor encaixe.

Somando-se a isto, o fato de você ter uma Marca Pessoal forte o ajudará a chegar mais rapidamente no alvo desejado. Sua Marca é a percepção criada quando as pessoas conhecem e interagem com você e não é apenas baseada em suas habilidades e experiências. Ela também reflete na maneira como você aparenta. As organizações investem muito tempo e dinheiro para criar uma marca vencedora e evocar certas percepções no período de segundos.

Como você pode, como indivíduo, alcançar os mesmos resultados? Fazendo o seu marketing de forma consistente e construindo uma imagem positiva, o que exige esforço, empenho e consistência. Além disso, ele deve contemplar como um “Produto”, tendo claro quais habilidades e comportamentos você tem que o diferenciam dos demais.

Ter uma “Praça” para colocar seu produto, fazendo uma análise criteriosa de segmentos ou empresas em que poderá ter maior visibilidade e aceitação, além do mapeamento de quem são os principais contratantes. Saber de que modo e quem o ajudará a chegar neste lugar (praça) e qual o valor que o mercado está pagando por este produto. Sua aparência é fundamental e deverá ser adequada ao seu segmento alvo.

Também, é importante definir os diversos canais para fazer que seu produto chegue ao local predefinido, como eventos profissionais, redes sociais, eventos familiares, com amigos etc. E entender e estar constantemente avaliando quanto o mercado está pagando por este produto. Esta prática levará a uma marca ser bem orientada, clara e significativa.

A dica aqui é a habilidade de saber fazer networking, lembrando que este é feito em qualquer lugar e que você consegue que sua marca pessoal seja mais facilmente conhecida não pelo networking atual e sim pelo networking expandido, ou seja, sua capacidade de estar a cada momento crescendo sua rede de relacionamento. Para que isto seja feito de forma “saudável e sustentável”, há necessidade de sempre haver uma troca de experiências.

Enfim, tem que ser uma relação ganha ganha. O networking expandido também é utilizado para se pedir conselhos e não empregos. Não peça às pessoas o que elas não podem dar. Na crise você terá que olhar para sua Marca Pessoal com maior dedicação, ter precisamente detalhado seu mercado alvo, se esforçar ainda mais na ampliação de sua rede de relacionamento para chegar aonde quer.

Tenha sempre um alvo para caminhar, pois quem não tem para onde ir, não chega a lugar nenhum!

(*) - É diretora de Transição de Carreira e Gestão da Mudança para América Latina, da Consultoria Global LHH.

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171