ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Home

Credito temporario

Foto: Evaristo Sa/AFP

Presidente do BNDES, Joaquim Levy.

O presidente do BNDES, Joaquim Levy, disse ontem (14) que a linha de crédito para empréstimos a caminhoneiros – para manutenção de veículos – pode dobrar. Atualmente, o valor pré-aprovado do pacote de ajuda à categoria é de R$ 500 milhões. O limite de cada empréstimo é de R$ 30 mil. “A gente deu uma pré-aprovação de R$ 500 milhões podendo chegar a R$ 1 bilhão, sem a menor dificuldade. Depende da demanda”, disse em entrevista na sede do BNDES, no Rio.
Levy lembrou que parte da compra de caminhões nos últimos anos foi financiada com recursos do BNDES e, por isso, tem interesse em manter a valorização dos veículos. “A ideia do empréstimo é dar condições para ter certeza de que em um momento de desafio para o setor, o caminhoneiro vai ter recursos para manter e preservar o capital dele”, disse. Segundo o presidente, apesar do uso constante, um caminhão com a devida manutenção pode durar até 12 anos.
“Um caminhão que atrase um pouquinho a manutenção do freio e começa a não ter o trabalho que precisa, é um capital que se deteriora rapidamente, além, obviamente, de todos os problemas de segurança nas estradas”, observou, ao adiantar que recebeu a sinalização do Ministério da Economia para liberar os empréstimos. “A partir da semana que vem já está funcionando, porque a gente já teve o ok de Brasília”, garantiu.
Levy falou também sobre outra área em que o Banco deverá atuar mais, a de saneamento. “A gente quer abrir este mercado para o setor privado para, realmente, poder levar o saneamento para todos os lugares do Brasil. Trazer novas tecnologias novas maneiras de fazer isso de tal maneira que tenha esgoto barato e diminua as doenças e a poluição. Para isso a gente está trabalhando. Há muitas empresas privadas com interesse em investir no saneamento, desde que as leis estejam corretas” (ABr).

"Todo discurso deve ser como o vestido das mulheres; não tão curto,
que nos escandalizem, nem tão comprido, que nos entristeçam".

José de Alencar (1829/1877) Escritor brasileiro

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171