ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Home

Empresas temproaario

A Petrobras manterá o investimento de US$ 84,1 bilhões. Foto:Tânia Rego/ABr

Rio - A Petrobras considera a entrada de 18 novos sistemas de produção de petróleo, o que deve mudar a curva de produção e a geração de caixa nos próximos cinco anos, afirmou ontem (5), o diretor Financeiro da companhia, Rafael Grisolia, em teleconferência com analistas. “A entrada de plataformas vai ter efeito no caixa e garantirá perenidade”, disse, complementando a geração de caixa projetada no plano de negócios para os próximos cinco anos “já descontados eventuais pagamentos de dividendos”.
Além disso, a empresa ainda conta com a continuidade da política de paridade internacional de preços para ampliar sua receita nos próximos anos. O executivo reiterou ainda a necessidade de continuar o programa de desinvestimento, o que inclui refinarias. A empresa espera se desfazer do controle das unidades ainda nos primeiros anos do plano de negócios.
O executivo disse que a Petrobras manterá o investimento de US$ 84,1 bilhões ainda que a cotação do petróleo decepcione e fique abaixo da projeção divulgada no plano de negócios para os próximos cinco anos.
“O investimento se ajusta a eventuais quedas do petróleo”. Ainda acrescentou que a gestão das finanças será focada na meta de desalavancagem, de 1,5 vez em 2020. “A partir de 2021 a gente vai subir o payout”, complementou Grisolia, destacando que o desinvestimento também vai contribuir com a geração operacional de caixa da empresa (AE).

“Há pessoas que choram por saber que as rosas têm espinho.
Há outras que sorriem por saber que os espinhos têm rosas”.

Machado de Assis (1839-1908) Escritor brasileiro

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171