ISSN: 2595-8410 Contato: (11) 3043-4171

Segurança na Internet: consumidor deve ficar de olho durante a Black Friday

Gerente de T.I. da CentralAr.com, Ricardo Afonso Vieira, dá dicas para os consumidores não terem surpresas após a data

Às vésperas de mais uma edição da Black Friday, que será realizada no dia 23 de novembro, consumidores devem redobrar a atenção ao comprar pela Internet. Para não ser vítima de fraude é preciso avaliar, entre outros itens, a segurança do site e a reputação em serviços de atendimento ao consumidor, como o ReclameAQUI.

Na CentralAr.com, e-commerce líder em vendas de ar-condicionado no Brasil, os selos “Site Blindado” e “Selo SSL Blindado”, atestam a segurança da navegação e dos dados do cliente, o selo “Compra & Confia” atesta a segurança da compra e evita fraudes, e o certificado “Trust Vox” audita as avaliações do site, confirmando que foram realizadas por consumidores reais e sem edições. “Trabalhamos, diariamente, para garantir a criptografia dos dados dos nossos clientes, ou seja, nenhuma informação inserida no nosso domínio é captada e utilizada para outros fins”, afirma o gerente de T.I. da empresa, Ricardo Afonso Vieira.

A CentralAr.com investiu também em tecnologia para validar a segurança de todas as páginas disponíveis para navegação, ou seja, o e-commerce possui https (Hyper Text Transfer Protocol Secure) desde a página inicial até a finalização da compra. “O ‘https’ que, em português, significa Protocolo de Transferência de Hipertexto Seguro, e é essencial para a segurança dos dados. Ele garante credibilidade ao site e atesta a navegação sem interceptação de hackers. Para checar se está navegando em um site com https, o consumidor deve verificar se o endereço, na barra do navegador, está na cor verde”, explica Vieira.

O especialista lista algumas características que os consumidores devem ficar atentos antes de comprar pela Internet. Confira:

• E-commerces confiáveis possuem selos de segurança e são auditados constantemente por empresas especializadas em segurança on-line. Na maioria dos casos estes selos ficam disponíveis no rodapé das páginas;

• Selos de reputação, como o RA 1000, do ReclameAQUI, e os selos disponibilizados pelo e-Bit atestam a qualidade dos serviços prestados ao consumidor e também devem ser analisados;

• Ao se interessar por um produto oferecido em banners disponíveis em redes sociais ou sites de notícias, o consumidor deve verificar a URL da loja após clicar neste banner, ou seja, checar se o endereço on-line apontado no link condiz realmente com o nome da loja;

• A orientação anterior também vale para o clique em links recebidos por e-mail. Neste caso, é importante ainda verificar a presença de anexos. Geralmente, newsletters com promoções não contém anexos.

“Em todos os casos, o consumidor pode fazer uma pesquisa prévia na Internet e em redes sociais sobre a loja antes de fechar a compra. É indicado também avaliar comentários positivos e negativos sobre o vendedor, o que pode evitar surpresas após a finalização da venda”, recomenda o gerente.

Outras Matérias sobre Tecnologia

 

Mais Lidas

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171