Missão de Vida

Poucas pessoas sabem o propósito pelo qual vieram a este mundo. O movimento está em crescimento e a procura por deixar um legado está cada vez maior. E você, sabe sua missão?

Muito do meu trabalho é ajudar as pessoas a desenvolver suas potencialidades, qualidades, pontos fortes, a fim de alcançar um objetivo ou melhorar uma situação em que elas não estão mais confortáveis.

Percebo-as se empoderando de si mesmas, abraçando esta parte iluminada e fazendo uso com mais constância dela. Segurança e autoconfiança afloram e até a pele das pessoas muda, seus olhos brilham mais, elas se vestem melhor, sua postura fica mais ereta e o sorriso nos lábios mais constante.

Tais melhoras, apesar de muito importantes, ainda podem ser vagas, quando a pessoa não possui um objetivo mais amplo, algo além de: ser promovido, se comunicar melhor, ser mais seguro, e tantos outros “pseudo-objetivos”.

jessica betting

Jéssica Bettin da Cunha
Coach e Consultora de RH, psicóloga, pós-graduada em RH e formada em Coaching pela Academia de Coaching Integrativo. É diretora da JBC Consultoria.

Agora, imagina se tornar uma pessoa melhor, ser mais assertivo, eficiente, etc., caminhando em direção ao seu propósito de vida? Já pensou nisso?

Sim, é isso mesmo! Saber sua missão de vida e trabalhar pra ela, com ela, a favor de promovê-la! E não estou falando apenas de pessoas que viveram e deixaram um legado enorme e são lembradas através dos séculos! Estou falando de gestos pequenos, simbólicos, que vão favorecer algumas outras pessoas de nosso convívio.

Você pode trabalhar na área contábil, por exemplo, e descobrir que sua missão de vida é trazer mais segurança para as pessoas. Com isso, você ajuda o acionista da empresa em que atua a manter os impostos em dia e ainda garante o emprego de seus colegas de trabalho. Por consequência, assegura a entrega do serviço ou produto da companhia e ajuda a manter clientes satisfeitos!

A cadeia é muito maior do que essa, mas é um simples exemplo de que podemos continuar a atuar em nossos empregos atuais, porém mais felizes, motivados e congruentes com nossa missão.

Claro que o contrário também acontece. A pessoa pode descobrir seu verdadeiro propósito e dar uma grande guinada em sua carreira. Isso é bastante comum, mas não é rara a permanência em seu atual emprego ou cargo.

Alguns podem se perguntar: “Mas de que adianta saber minha missão de vida, meu propósito maior, se minhas ações serão uma gota no enorme oceano?”.

Minha resposta é: se cada gota fizer sua parte, imagina que belo oceano teremos?
E você, já sabe como deixar sua parte do oceano mais bela?

banner jbc assinatura

Compartilhe suas experiências conosco pelo e-mail: O endereço de e-mail address está sendo protegido de spambots. Você precisa ativar o JavaScript enabled para vê-lo.
Rebeca Toyama

Para anunciar nesta coluna ligue (11) 3106-4171 e fale com Lilian Mancuso

Coordenação: Lilian Mancuso e Rebeca Toyama