Uma das 30 maiores empresas de software em mercados emergentes

@A TmaxSoft, multinacional coreana provedora de softwares para infraestrutura de TI, foi nomeada uma das 30 maiores empresas de software em mercados emergentes. O reconhecimento ressalta o sucesso da companhia em desenvolver e comercializar ofertas de software de classe mundial. O ranking foi compilado pelo Instituto de Tecnologia da PricewaterhouseCoopers (PwC), em conjunto com a International Data Corporation (IDC), e é fruto do estudo baseado em uma combinação da taxa de crescimento ano a ano na receita de software, demonstrações financeiras corporativas, outras fontes públicas e estimativas da IDC para instituições privadas de capital aberto. Analisando o sucesso dessas empresas, o relatório constatou que com frequência elas aproveitam certos fatores estruturais e culturais de seus países de origem para desenvolver vantagens competitivas frente ao mercado (http://br.tmaxsoft.com/main.do).

Huawei, Instituto Cooperforte e Instituto Mamirauá capacitam jovens em TI e fotovoltaica

@A Huawei, líder global em soluções de Tecnologias da Informação e Comunicação (TIC), e os seus parceiros Instituto Cooperforte, organização focada em responsabilidade social e inserção de jovens no mundo de trabalho, e Instituto De Desenvolvimento Sustentável Mamirauá (IDSM), anunciam a conclusão do projeto Energia Solar para a Inclusão Digital, iniciado em julho de 2016. A iniciativa ofereceu curso gratuito em tecnologia e energia fotovoltaica e capacitou 37 jovens na Amazônia. A cerimônia de encerramento aconteceu nos dias 20 e 21 de janeiro em duas regiões: para os 15 estudantes urbanos, em Tefé, na sede do Instituto Mamirauá; já para os 22 alunos treinados na comunidade ribeirinha, em São José do Ipecaçu, na Reserva de Desenvolvimento Sustentável Amanã (RDSA), que contou com a presença do prefeito de Maraã, Magno Moraes, e autoridades locais (https://www.huawei.com.br).

Aparelho auditivo ligado à internet permite ouvir celular e TV

@A vida do bancário Leonardo Nehrer, de 26 anos, mudou completamente há quase um mês, quando ele passou a experimentar uma nova sensação em sua vida: ouvir a voz do outro lado da linha de uma ligação no celular diretamente em seu ouvido por meio de um aparelho auditivo. Ele, que é deficiente auditivo desde a infância, é um dos primeiros usuários do único aparelho auditivo do mundo que pode ser ligado diretamente em aparelhos eletrônicos via bluetooth e internet. “Agora, quando alguém me liga, toca direto no aparelho. Nem preciso encostar o celular no ouvido. Além disso, o aparelho facilitou a audição em todos os sentidos. A clareza da voz me surpreendeu. O som parece que chega melhor ao ouvido, mais leve e mais nítido. E eu não estava acostumado com um aparelho tão pequeno, nem parece que estou usando! Tudo isso é muito bom”, comemora o bancário, cuja surdez foi consequência da meningite que teve aos 2 anos (www.telex.com.br).

Mais Lidas