Tempo de crise

Lilian de Lima

A história de Cor de Chumbo se passa em uma casa de shows, nos anos 70, horas antes de abrir

A boate é gerenciada por Patrícia, ex-prostituta que faz shows musicais, sendo a atração principal da casa. Patrícia é amante de um general que, naquela noite, virá assistir ao show. Enquanto ensaia e passa as músicas, acompanhada por um pianista, conversa sobre o cotidiano, o medo da violência em tempos de ditadura e seu relacionamento amoroso. Falar do passado é elucidar o presente e vigiar o futuro. Cor de Chumbo se passa no Brasil da década de 70, mas os temas e as questões que a peça levanta são efetivamente atuais, um retrato íntimo dos “anos de chumbo” no Brasil. Com, Lilian de Lima.

Serviço: Sesc Campo Limpo, R. Nossa Senhora do Bom Conselho, 120, tel. 5510-2700. Quarta (13) e quinta (14) às 20h. Entrada franca.

REFLEXÃO

SEMPRE O MELHOR

Em todos os caminhos da vida, encontrarás obstáculos a superar. Se assim não fosse, como provarias a ti mesmo a sinceridade dos teus propósitos de renovação? Aceita as dificuldades com paciência, procurando guardar contigo as lições de que se façam portadoras. Com todos temos algo de bom para aprender e em tudo temos alguma cousa de útil para assimilar. Nada acontece por acaso e, embora te pareça o contrário, até mesmo o mal permanece a serviço do bem. A resignação tem o poder de anular o impacto do sofrimento. Se recebes críticas ou injúrias, não te aflijas pela resposta verbal aos teus adversários. Muitas vezes, os que nos acusam desejam apenas distrair-nos a atenção do trabalho a que nos dedicamos, fazendo-nos perder preciosos minutos em contendas estéreis. Centraliza-te no dever a cumprir, refletindo que toda semente exige tempo para germinar. Toda vitória se fundamenta na perseverança e sem espírito de sacrifício ninguém concretiza os seus ideais. Busca na oração coragem para superar os percalços exteriores da marcha e humildade para vencer os entraves do teu mundo interior. Aceita os outros como são a fim que te aceitem como és, porquanto, de todos os patrimônios da vida, nenhum se compara à paz de quem procura fazer sempre o melhor, embora consciente de que esse melhor ainda deixe muito a desejar. André Luiz

Drama

Cena do drama O Monge e o Executivo.

A Peça O Monge e o Executivo é a adaptação original do livro que se tornou um dos maiores best sellers da atualidade com mais de 4 milhões de cópias vendidas no Brasil e assistida por mais de 80.000 pessoas. Esta é uma história sobre liderança: em equipes, negócios e comunidades. John é o típico executivo preocupado apenas com o trabalho, que acaba se esquecendo dos empregados, dos amigos, da família, enfim, dos relacionamentos. A situação se agrava a ponto de a esposa, Rachel, pedir para ele passar uma semana no mosteiro João da Cruz. Relutante, John atende o pedido, principalmente, por desejar conhecer pessoalmente Leonard Hoffman, um famoso empresário que abandonou sua brilhante carreira para se tornar monge em um mosteiro beneditino.

Serviço: Teatro Gamaro ( Anhembi Morumbi), R. Doutor Almeida Lima, 1176, Mooca, tel. 2872-1457. Sexta (1), sábado (2) e segunda (4) às 20h30 e domingo (3) às 19h30. Ingresso: R$ 100.

Stand-up Comedy

Sinopse: Giacomo Biaggio e Dvd Castillo se conheceram nos bastidores do entretenimento e sempre planejaram dividir um mesmo palco. Da parceria desses dois jovens humoristas surge o espetáculo “Ele é o cara!!!”, com stand up, esquetes, muito improviso e até mesmo um talk show com convidados surpresa, convidados que podem surgir da própria plateia.

Serviço: Teatro UMC, Av. Imperatriz Leopoldina, 550, Vila Leopoldina, tel. 2574-7749. Sexta (1) às 23h. Ingresso: R$ 40.

As letras e o mundo

Dinho Lima Flor

Inspirado nas obras do poeta Zé da Luz, do ficcionista Guimarães Rosa e no pensamento e prática do educador Paulo Freire, o espetáculo Ledores no Breu trata das relações entre o homem da leitura das letras e do mundo à sua volta. A montagem reflete sobre as consequências do analfabetismo e, principalmente, do analfabetismo funcional. São histórias que acompanham leitores na escuridão, analfabetos em pleno século XXI, percorrendo distâncias para elucidar suas dúvidas, seus erros e seus crimes: um homem que, por não poder ler as letras, comete um crime contra seu amor e contra si mesmo; outro homem que desperta para as artimanhas e dubiedades da palavra; alguém que reinventa o afeto a partir das letras que formam um nome. Personagens que, a partir de suas relações com as letras e palavras, têm sua vida profundamente transformada. Com, Dinho Lima Flor.

Serviço: Sesc Campo Limpo, R. Nossa Senhora do Bom Conselho, 120, tel. 5510-2700. Quarta (6) e quinta (7) às 20h. Entrada franca.

Harpas

O I SPHarpFestival, Festival Internacional de Harpas com vários números musicais durante o dia, com um total de 15 apresentações de música popular e erudita. O grande diferencial são as harpas onde cada apresentação terá uma harpa diferente. A harpa é o instrumento mais antigo do mundo, com uma história de 5 mil anos. Serão harpas clássica, tripla, paraguaia, céltica, santoor (indiana) e ngoni (africana), elétrica e miniharpa. Kora da África Ocidental e Lira Tartésica, instrumento ancestral da Ibéria antiga. Entre os destaques internacionais estão a soprano e instrumentista escocesa Zoe Vandermeer com sua raríssima harpa tripla, interpretando Haendel e Bellini, entre outros. Outro destaque será a apresentação Som da Luz com o grupo NadaBhaktas (Prem Ramam, Gui Cavalcanti e Sita Beatriz) que realizará um concerto meditativo com orações musicais em fusão devocional, mantras, preces e improvisações. O grupo toca em santoor (harpa indiana), ngoni (africana), miniharpa e violino entre outros.

Serviço: Centro Cultural Banco do Brasil, R. Álvares Penteado, 112, Centro, tel. 3113-3651. De quarta (13) a sábado (16) às 13h, 15h e 19h e domingo (17) às 13h, 15h e 17h30. Entrada franca.

O NEGRO E O GAY

Unir o rap a um discurso sobre aceitação, gêneros e relacionamentos. É isso que Rico Dalasam tem feito até agora e vai apresentar. Pioneiro na cena queer rap brasileira, Rico, que não se encaixa em rótulos musicais também, traz para esses shows duas participações especiais: a rapper Flora Matos, no dia 4 de março, e Jaloo, músico paraense que circula pelo tecnobrega e pop, no dia 5 de março. Autor do EP Modo Diverso, Rico Dalasam se prepara para lançar seu primeiro disco ainda esse semestre. Seus versos trazem um discurso político, unindo duas vertentes que, na sua concepção, andavam desunidos: o negro e o gay.

Serviço: Sesc Santo Amaro, R. Amador Bueno, 505, tel. 5541-4000. Sexta (4) às 21h e sábado (5) às 20h. Ingressos: R$ 25 e R$ 12,50 (meia).


Mais artigos...

  1. Lazer e Cultura 29/03/2016
  2. Lazer e Cultura 25 a 28/03/2016
  3. Lazer e Cultura 24/03/2016
  4. Lazer e Cultura 23/03/2016
  5. Lazer e Cultura 22/03/2016
  6. Lazer e Cultura 19 a 21/03/2016
  7. Lazer e Cultura 18/03/2016
  8. Lazer e Cultura 17/03/2016
  9. Lazer e Cultura 16/03/2016
  10. Lazer e Cultura 15/03/2016
  11. Lazer e Cultura 12 a 14/07/2016
  12. Lazer e Cultura 11/03/2016
  13. Lazer e Cultura 10/03/2016
  14. Lazer e Cultura 09/03/2016
  15. Lazer e Cultura 08/03/2016
  16. Lazer e Cultura 05 a 07/03/2016
  17. Lazer e Cultura 04/03/2016
  18. Lazer e Cultura 03/03/2016
  19. Lazer e Cultura 02/03/2016
  20. Lazer e Cultura 01/03/2016
  21. Lazer e Cultura 27 a 29/02/2015
  22. Lazer e Cultura 26/02/2016
  23. Lazer e Cultura 25/02/2016
  24. Lazer e Cultura 24/02/2016
  25. Lazer e Cultura 23/02/2016
  26. Lazer e Cultura 20 a 22/02/2016
  27. Lazer e Cultura 19/02/2016
  28. Lazer e Cultura 18/02/2016
  29. Lazer e Cultura 17/02/2016
  30. Lazer e Cultura 16/02/2016
  31. Lazer e Cultura 13 a 15/02/2016
  32. Lazer e Cultura 12/02/2016
  33. Lazer e Cultura 11/02/2016
  34. Lazer e Cultura 06 a 10/02/2016
  35. Lazer e Cultura 05/02/2016
  36. Lazer e Cultura 04/02/2016
  37. Lazer e Cultura 03/02/2016
  38. Lazer e Cultura 02/02/2016
  39. Lazer e Cultura 30/01 a 01/02/2016
  40. Lazer e Cultura 29/01/2016
  41. Lazer e Cultura 28/01/2016
  42. Lazer e Cultura 27/01/2016
  43. Lazer e Cultura 23 a 26/01/2016
  44. Lazer e Cultura 22/01/2016
  45. Lazer e Cultura 21/01/2016
  46. Lazer e Cultura 20/01/2016
  47. Lazer e Cultura 19/01/2016
  48. Lazer e Cultura 16 a 18/01/2016
  49. Lazer e Cultura 15/01/2016
  50. Lazer e Cultura 14/01/2016
  51. Lazer e Cultura 13/01/2016
  52. Lazer e Cultura 12/01/2016
  53. Lazer e Cultura 09 a 11/01/2016
  54. Lazer e Cultura 08/01/2016
  55. Lazer e Cultura 07/01/2016
  56. Lazer e Cultura 06/01/2016
  57. Lazer e Cultura 05/01/2016
  58. Lazer e Cultura 31/12/2015 a 04/01/2016
  59. Lazer e Cultura 30/12/2015
  60. Lazer e Cultura 29/12/2015
  61. Lazer e Cultura 23/12/2015
  62. Lazer e Cultura 19 a 21/12/2015
  63. Lazer e Cultura 18/12/2015
  64. Lazer e Cultura 17/12/2015
  65. Lazer e Cultura 16/12/2015
  66. Lazer e Cultura 15/12/2015
  67. Lazer e Cultura 12 a 14/12/2015
  68. Lazer e Cultura 12/12/2015
  69. Lazer e Cultura 11/12/2015
  70. Lazer e Cultura 10/12/2015
  71. Lazer e Cultura 09/12/2015
  72. Lazer e Cultura 08/12/2015
  73. Lazer e Cultura 05 a 07/12/2015
  74. Lazer e Cultura 04/12/2015
  75. Lazer e Cultura 03/12/2015
  76. Lazer e Cultura 02/12/2015
  77. Lazer e Cultura 01/12/2015
  78. Lazer e Cultura 28 a 30/11/2015
  79. Lazer e Cultura 27/11/2015
  80. Lazer e Cultura 26/11/2015
  81. Lazer e Cultura 25/11/2015
  82. Lazer e Cultura 24/11/2015
  83. Lazer e Cultura 20 a 23/11/2015
  84. Lazer e Cultura 19/11/2015
  85. Lazer e Cultura 18/11/2015
  86. Lazer e Cultura 17/11/2015
  87. Lazer e Cultura 14 a 16/11/2015
  88. Lazer e Cultura 13/11/2015
  89. Lazer e Cultura 12/11/2015
  90. Lazer e Cultura 11/11/2015
  91. Lazer e Cultura 10/11/2015
  92. Lazer e Cultura 07 a 09/11/2015
  93. Lazer e Cultura 06/11/2015
  94. Lazer e Cultura 05/11/2015
  95. Lazer e Cultura 04/11/2015
  96. Lazer e Cultura 30/10 a 03/11/2015
  97. Lazer e Cultura 29/10/2015
  98. Lazer e Cultura 28/10/2015
  99. Lazer e Cultura 27/10/2015
  100. Lazer e Cultura 24 a 26/10/2015

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP