AS NÚPCIAS DO ESCORPIÃO

drama 02 temproario

Baseada no premiado livro de Francisco Pinto de Campos Neto (Tico), a peça “As Núpcias do Escorpião” nos instiga a fazer a seguinte pergunta: Quem é o verdadeiro doente, o indivíduo ou a sociedade?

Internado em um manicômio, o intelectual Urso sabe como burlar sua medicação. Mas será que ele consegue sobreviver à violência de seus enfermeiros e à condescendência de seus familiares? Apesar de estar ambientada em uma clínica psiquiátrica, a peça leva o público a refletir sobre os padrões morais e comportamentais da sociedade, assim como o poder que a indústria farmacêutica exerce sobre ela. É possível que essa sociedade possa ser a grande responsável pela “insanidade” das protagonistas?

Serviço: Teatro Raposo Shopping, Rodovia Raposo Tavares, km 14,5, Jd. Boa Vista, tel. 3732-9006. Sábado (17) às 18h. Ingresso: R$ 40.

REFLEXÃO

Paradoxo
Ao longo do estendal dos favores divinos,
Morde o pó da miséria o espírito revolto.
Suicida, sofre a dor da impenitência aguda
No vale da aflição que se espraia, infinita...
Coriscos colossais na interseção do espaço
— Calafrios de cor no dorso da amplidão —.
Verte a chuva a chorar as lágrimas do azul
E soluçam trovões de quebrada em quebrada.
Qual alma de loucura ergue o cálix em riste...
E tenta exterminar-se após o corpo morto!
Pobre ser! Quer morrer e morrer não consegue!
É que alguém o criou de luz inextinguível
E deu-lhe tudo: o amor, a inteligência, a vida;
No entanto, ele não crê no poder desse Alguém!...
Deolindo Tavares
(De “Sonetos de Vida e Luz”, de Waldo Vieira – Espíritos diversos)

Comédia

Eleco da peça “Dois casais em maus lençóis”.

A rotina do casamento e a popular pulada de cerca é o tema central da comédia “Dois casais em maus lençóis”. Jair planeja uma viagem de negócios como álibi para dar uma fugidinha da rotina do casamento e encontrar com outra mulher. Sua mulher por sua vez torce que ele saia logo para poder curtir a noite. Uma comédia cheia de encontros e desencontros e com situações hilariantes que leva o publico ao delírio. A atriz Natacha Ohana, bailarina do Faustão marca sua estreia no teatro. Com Natacha Ohana, Glaura Lacerda, Kainan Ferraz e Guilherme Cruz.

Serviço: Teatro Ruth Escobar, R. dos Ingleses, 209, Bela Vista, tel. 3289-2358. Sábado (17) às 21h30. Ingresso: R$ 60.

Drama

Uma menina e uma mulher sobreviventes de guerra percorrem uma cidade em ruínas na busca por sepultar os mortos na peça Luzeiros. Neste trajeto se deparam com memórias de tempos e cidades que se esgotaram em meio à exploração, ganância, pobreza e atentados. Diante da destruição as duas sobreviventes lutam entre o permanecer e o navegar. Com Edi Cardoso e Renata Lemes.

Serviço: Largo São Bento, Centro. Hoje (15) e sexta (16) às 18h30 e às 20h30. Entrada franca.

Espírita

A peça O Cândido Chico Xavier narra a vida do médium, filantropo e um dos mais importantes expoentes do espiritismo, o Francisco Cândido Xavier. De sua infância à morte, com o passo a passo de sua fé e da dedicação à Doutrina Espírita, dos seus estudos e do seu desenvolvimento da psicografia.

Serviço: Teatro Fernando Torres, R. Padre Estevão Pernet, 588, Tatuapé, tel. 2227-1025. Hoje (15) às 21h30. Ingresso: R$ 60.

Lançamento

Filipe Catto

O cantor e compositor Filipe Catto faz o show de seu disco mais recente, o álbum “Tomada”, disco de onze faixas que inclui músicas de sua autoria, “Dias e Noites”, e de outros compositores, entre elas “Depois de Amanhã”, de Paulinho Moska. Também estão no repertório do show “Adoração” e “Saga”, entre várias outras. A banda que acompanha o artista é formada por Ana Karina (baixo e vocal), Faba (guitarra), Lucas (piano e teclado) e Michelle (bateria).

Serviço: Caixa Cultural, Praça da Sé, 111, Sé. Sexta (16) às 19h15. Entrada franca.

Recordando

A dupla sertaneja Jorge & Mateus, que este ano lançou o CD e o DVD que marcam a comemoração de seus 10 anos de carreira, faz apresentação recordando os principais sucessos de sua trajetória. Os artistas, que começaram a cantar juntos em 2005 e lançaram dois anos depois seu primeiro CD, “Ao Vivo em Goiânia”, estão entre os maiores vendedores de discos dos últimos anos.

Serviço: Villa Country, Av. Francisco Matarazzo, 774, Barra Funda, tel. 3868-5858. Hoje (15) às 21h50. Ingresso: R$ 150.

Rock

O Far From Alaska é uma banda de rock de Natal/RN nascida no primeiro semestre de 2012 e formada por velhos conhecidos da cena rock potiguar: Emmily Barreto (voz), Rafael Brasil (guitarra), Cris Botarelli (voz /synth), Edu Filgueira (baixo) e Lauro Kirsch (bateria).

Serviço: Sesc Bom Retiro, Al. Nothmann, 185, Bom Retiro, tel. 3332-3600. Domingo (18) 16h. Entrada franca.