Contato: (11) 3043-4171

Memórias

memorias temporario

Primeira criação do Coletivo Seiva Bruta, grupo de jovens artistas formado no Departamento de Artes Cênicas da Universidade de São Paulo (USP), A Iminência da Morte DAS Plantas Pelos Canhões de Guerra estreia dia 26 de maio

Com Direção de Victor Walles, que assina a dramaturgia ao lado de Maíra do Nascimento, montagem traz no elenco os atores Camila Móra, Fernando Moraes e Henrique de Paula. O espetáculo traz à cena pesquisas histórico-sociais sobre o ano de 1968 no Brasil, suas revoluções de costumes, lutas do movimento estudantil e o avanço brutal da repressão do aparato militar até culminar no AI-5. Para isso, a montagem tem como base de sua criação, três referências fundamentais de pesquisa: o filme Os Sonhadores, de Bernardo Bertolucci, sobre três jovens universitários vivendo em um apartamento em pleno fervor das manifestações e lutas do maio francês nas ruas de Paris; o livro1968 – O Ano que não Terminou, de Zuenir Ventura, que trata das transformações e lutas que ocorreram no Brasil durante o ano e o artigo Sobre o Conceito de História, de Walter Benjamin. Na peça dois irmãos Téo (Fernando Moraes) e Isa (Camila Móra) moram na Rua Maria Antônia e recebem o estrangeiro Mateus (Henrique de Paula) para passar um tempo junto com eles no apartamento. Trancados como forma de proteção e esconderijo ao avanço da repressão do governo militar, os três atravessam o ano de 1968 passando pelas revoluções culturais e as revoltas políticas lideradas pelo movimento estudantil. Narram a morte do estudante Edson Luís, expõe suas contradições na Batalha da Maria Antônia, viajam até o congresso de Ibiúna e como um delírio de um dia ter achado a possibilidade de impedir o avanço opressor do aparato militar, terminam separados com a decretação do AI-5.

Serviço: Teatro de Contêiner Mungunzá, R: dos Gusmões, 43, Luz. Sábados e domingos, às 20h. Ingressos: R$ 20 e R$10 (meia). Até 17/6.

REFLEXÃO

“Não acredite em algo simplesmente porque ouviu. Não acredite em algo simplesmente porque todos falam a respeito. Não acredite em algo simplesmente porque está escrito em seus livros religiosos. Não acredite em algo só porque seus professores e mestres dizem que é verdade. Não acredite em tradições só porque foram passadas de geração em geração. Mas depois de muita análise e observação, se você vê que algo concorda com a razão, e que conduz ao bem e benefício de todos, aceite-o e viva-o”. Buda

Concerto

concerto temporario

Um concerto dedicado à obra de um dos maiores compositores da história da música brasileira: Heitor Villa-Lobos (1887-1959). Em síntese, este é o mote do projeto “Villa-Lobos – em Violino e Voz”, apresentado pelos músicos Cláudio Cruz (violino), Caroline De Comi (vocal), Nahim Marun (piano) e Rafael Frazzatto (violoncelo) . Na apresentação, que ocorre a partir das 18h30, na Praça da Unidade, o grupo traz obras de Heitor Villa-Lobos escritas para voz e violino, a maioria delas raramente apresentadas. Soprano atuante não apenas no repertório operístico como na música de câmara e contemporânea, Caroline De Comi é uma das mais versáteis cantoras da atual geração. Cláudio Cruz é um dos mais relevantes violinistas brasileiros da atualidade, além de um destacado regente de carreira internacional. O pianista Nahim Marun é descendente da grande tradição do piano brasileiro, detentor de prêmios em importantes concursos e ainda um pesquisador da música brasileira. O jovem violoncelista Rafael Frazzatto é um talento da nova geração que atualmente integra a Academia da OSESP. No programa, Sonata fantasia n.1, “Desesperance” (1913), para violino e piano, Choros bis (1928) para violino e violoncelo, entre outras.

Serviço: Sesc Avenida Paulista, 119, Bela Vista. Domingo (27), às 18h30h. Ingresso: R$ 20 e R$ 10 (meia).

Encontro

 temporario

Dois dos principais DJ’s da cena hip hop nacional se encontram para apresentação única. No dia 23 de maio, os DJ’s KL Jay (integrante fundador dos Racionais MC’s) e Grandmaster Ney comandam as pick-ups no palco montado na Praça da Unidade, para mostrar um repertório de sons e ritmos de diferentes períodos e gerações.A dupla mostrará ao público gêneros como rhythm’n’blues, soul e funk, passando pelos pioneiros do rap, suas diversas vertentes, chegando até os seus desdobramentos atuais.

Serviço: Sesc Avenida Paulista, Av. Paulista, 119, Bela Vista, tel. 3170-0800. Quarta (23), às 20h30. Entrada franca.

Paraguai em festa

Para comemorar o 207º Aniversário da Independência do Paraguai, o Consulado Geral do Paraguai em São Paulo apresenta um show de música e danças típicas do país. Criado em 1970, o Ballet Folclórico Municipal da cidade de Assunção possui um repertório que inclui quadros coreográficos inspirados nas festas tradicionais, nos costumes e ofícios do campo, lendas, personagens e devoções populares. Atualmente, a formação conta com 16 dançarinas e dançarinos profissionais. O elenco apresentará quadros de quatro a cinco danças, sendo “Danzas de Época”, “Acuarela Paraguaya” e “Fiesta en la estancia”. O grupo trará danças tradicionais do Paraguai, como: Galopera, Cielito Chopí, Sombrero de Palma e outros. Para a apresentação de música típica do Paraguai, o harpista Marcelo Rojas interpretará na harpa paraguaia obras dos compositores Félix Pérez Cardozo, Santiago Cortesi, Florentín Giménez, entre outros. O artista é considerado como um dos harpistas mais transcendentes da nova geração no Paraguai.

Serviço:Memorial da América Latina, Av. Auro Soares de Moura Andrade, 664 - Barra Funda, tel. 3823-4600. Quinta (24), às 19h. Entrada franca.

Homenagem

A apresentação do Quarteto de Cordas da Cidade de São Paulo será uma homenagem ao compositor argentino Astor Piazzolla. Formado por Betina Stegmann e Nelson Rios, nos violinos; Marcelo Jaffé, na viola; e Rodrigo Andrade, no violoncelo, o quarteto ainda recebe o pianista André Mehmari e o clarinetista Nailor Proveta para o concerto. No programa:
Milonga del Angel, La Misma Pena, Michelangelo 70, entre outras.

Serviço: Sala do Conservatório, Av. São João, 281, Centro. Quinta (24), Às 20h. Ingresso: R$ 20.



Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171