Casal em crise

A comédia romântica “Implosão”, dirigida por Eli Barcellos, estreia hoje (1)

Comédia “Implosão” mostra o avesso de questões familiares.

A peça fala de um casal de personalidades bem diferentes que tem que lidar com fortes e hilárias questões familiares. A relação aparentemente tranquila entre Carlos e Jana, que vivem juntos há cerca de três anos, é bruscamente afetada por uma notícia que cai como bomba na vida dele, colocando em cheque os valores em que ele acredita. As diferenças entre eles vêm à tona, desencadeando uma implosão de conceitos pré-estabelecidos. O casal vai viver na prática o ditado popular sobre o casamento: quando duas pessoas se casam, o casamento é também com a família de seu cônjuge. Com Eli Barcellos, Mony Gester, Mitsuru Yamada e Ana Paula Mafra. Atriz stand-in: Giovanna Liguoriv.


Serviço: Espaço Cauby Peixoto (Bar Frango com Tudo), R. Canuto do Val, 115. Vila Buarque, tel. 97407-2126. Quintas às 21h e domingos às 19h. Ingressos: R$ 50 e R$ 25 (meia). Até 20/08.

REFLEXÃO

ADVERTÊNCIAS PROVEITOSAS

A luta em família é problema fundamental da redenção dohomem na Terra. Como seremos benfeitores de cem ou mil pessoas, se ainda não aprendemos a servir cinco ou dez criaturas? Esta é indagação lógica que se estende a todos os discípulos sinceros do Cristianismo. (De Pão Nosso)
Saber não é tudo. É necessário fazer. E para bem fazer, homem algum dispensará a calma e a serenidade, imprescindíveis ao êxito, nem desdenhará a cooperação, que é a companheira dileta do amor. (De Vinha de Luz)
A imaginação não é um país de névoa, de criações vagas e incertas.
É fonte de vitalidade, energia, movimento... (De Roteiro).
Nosso corpo espiritual, em qualquer parte, refletirá a luz ou a
treva, o céu ou o inferno que trazemos em nós mesmos. (De Roteiro).
Não se colhe a verdade, na vida, como quem engaiola uma ave na floresta.
A verdade é luz. Somente o coração alimentado de amor e o cérebro enriquecido de sabedoria podem refletir-lhe a grandeza. (De Roteiro).
Amealharás enorme fortuna, todavia ignorarás, por muitos anos, a que região da vida te conduzirá o dinheiro. (De Vinha de Luz).
Abstenhamos de maldizer onde não possamos louvar. (De Renúncia).
(De “Palavras de Emanuel”, de Francisco Cândido Xavier).

“Como treinar Seu Dragão”

Cena do infantil “Como treinar Seu Dragão”.

Adaptação livre de “Como treinar Seu Dragão”, que conta a tumultuada jornada de “Soluço”, em sua iniciação como um legítimo guerreiro viking: junto com os outros garotos da tribo, ele precisa domesticar e treinar o dragão mais feroz e assustador que for capaz de capturar. Em vez disso, Soluço acaba com o menor dragão que já se viu (o temível Fúria da Noite), e, para piorar, o animal é teimoso, impossível de ser adestrado. Começa aí a aventura do mais encantador e improvável dos heróis. A história conquistou o público do mundo inteiro com uma bela mensagem de tolerância, sobre a convivência pacífica entre humanos e dragões, aliada à sensível abordagem sobre deficiência física, que atinge ambas as espécies. Com Daniel Almeida, Debora Sartori, Carlos Felipe, Delidia Duarte, Marcela Arribet e outros.

Serviço: Teatro Augusta, R. ugusta, 943, Cerqueira César, tel. 3151-4141. Sábados às 16h. Ingresso: R$ 60. Até 17/06.

Estreia
Tatyane Goulart e Marcello Melo Jr..

Os atores Tatyane Goulart e Marcello Melo Jr. se unem, pela primeira vez no teatro, para encenar o espetáculo “O Grande Amor da Minha Vida”, com estreia no dia 7 de junho. A peça trata com muito humor, sobre a história de amor de Maria Helena e Luis Eduardo. Após marcarem o primeiro encontro inicia-se uma despretensiosa relação que resulta no grande amor da vida deles. Como uma palestra, o casal apresenta um manual bem humorado para encontrar o grande amor, e não desperdiçar essa oportunidade, que eles acreditam ser única na vida. Eles falam sobre os encontros e desencontros, as diferenças de gostos, a incompatibilidade de gênios, a primeira grande briga e os planos pro futuro.

Serviço: Teatro Porto Seguro, Al. Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos, tel. 3226-7300. Quartas e quintas às 21h. Ingressos: R$ 70 e R$ 50. Até 27/07.

Anjo negro

Dia 2 de junho estreia a peça “Inexistência” fruto do intercâmbio de dois grupos, Refinaria Teatral (Brasil) e Perspectiva Escénica (México). O texto, direção e encenação é de Daniel Alves Brasil e o elenco brasileiro é formado por Ana Szcypula, Renan Lemos e Luiza Martins e pelos mexicanos Alejandra Zavala, Javier Rodriguez e Paola Vidal. Músicas de Renan Lemos. Na história quatro mulheres estão num lugar desconhecido. Elas não se conhecem, e não fazem ideia de como foram parar ali. Apenas flashes de memória dão pistas do que as aconteceu. Uma figura nebulosa, parecida com um anjo negro se revela na escuridão, e lhes causa diferentes reações. Baseado em fatos reais, o espetáculo se pauta na força poética da imagem e da representação energética, sugerindo caminhos e deixando lacunas para que o expectador preencha os fragmentos das histórias.

Serviços: Teatro do Ceu Inácio Monteiro, R. Barão Barroso do Amazonas, S/N, Cohab Inacio Monteiro, Cidade Tiradentes, tel. 2518-9049. Sexta (2) às 20h. Entrada franca. Grupo Refinaria Teatral, R. João de Laet, 1507, Vila Aurora, tel. 3624-9301. Sábado (3) às 17h e às 20h. Ingressos: R$ 20. Galpão do Folias, R. Ana Cintra, 213, Santa Cecília, tel. 3361-2223. Domingo (4), às 18h. Ingresso: R$ 20.