Mudança na escolha de ministros do Supremo

A decisão de uma turma do STF de soltar o ex-ministro José Dirceu para esperar em liberdade o julgamento dos recursos dos processos em que ele é réu demonstra, segundo o senador Lasier Martins (PSD-RS), a necessidade de rever o processo de escolha de ministros da mais alta corte do país.

O parlamentar defendeu a aprovação de uma proposta de sua autoria com esse objetivo.
Por ela, a escolha não se dará mais por decisão monocrática do chefe do Executivo. Uma comissão de juristas, formada por sete integrantes de notório conhecimento, elaborará uma lista tríplice que será levada ao presidente da República. Essa mudança, segundo Lasier garantirá maior independência e imparcialidade ao STF. “Há consenso que a influência política no Supremo é muito grande. Há posições tomadas que têm fundo ideológico, político-partidário”, disse o senador. Para Lasier, a decisão de libertar Dirceu põe em risco a Operação Lava Jato (Ag.Senado).