Rajoy defende reformas como saída para crise

O primeiro-ministro da Espanha, Mariano Rajoy, defendeu as reformas propostas pelo governo brasileiro como forma de superar a crise econômica.

Ele comparou a atual situação econômica do Brasil com a já enfrentada e superada pelo governo espanhol. Rajoy participou ontem (25) do Encontro empresarial Brasil-Espanha, na capital paulista.
“As reformas são necessárias para que a economia seja cada vez mais competitiva. A Espanha também teve que enfrentar situações de crise sem precedentes, e, graças à agenda de reformas que iniciamos em 2012, conseguimos dar um giro”, afirmou o primeiro-ministro que pretende acelerar as negociações com objetivo de fechar o acordo comercial entre Mercosul e União Europeia ainda este ano.
Na opinião de Rajoy, com as reformas, o Brasil superará problemas da sua economia, que ficará mais fortalecida. “O governo brasileiro precisa continuar”, disse. Segundo o primeiro-ministro, atualmente, a economia espanhola mostra recuperação, tendo crescido 3,2% em 2016, com previsão de mais crescimento. “Isso era impensável anos atrás.”
De acordo com o chefe do governo espanhol, foram necessárias mudanças radicais para garantir a sustentabilidade das contas públicas e aumento da confiança na Espanha. “A reforma trabalhista foi prioritária e fundamental, assentou as bases para a criação de empregos”, disse. “Todas essas reformas foram cruciais para poder aumentar o crescimento” (ABr).