Trump escolhe Argentina e nega Brasil na OCDE

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, confirmou na terça-feira (17) que não escolheu o Brasil para entrar na Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE).

O republicano deu preferência para a adesão da Argentina na organização internacional, devido ao “respaldo eleitoral” de seu presidente, Maurício Macri, nas reformas que está realizando no país.
Além disso, segundo Trump, entrar na OCDE não seria a realidade do Brasil. “Faltaria no Brasil consenso claro sobre as reformas, especialmente por meio de respaldo eleitoral - algo que pôde ser verificado na Argentina nas últimas eleições presidenciais e legislativas”, escreveu a entidade.
Apesar do Brasil ter sua entrada negada na organização considerada “o clube dos países desenvolvidos”, a secretaria da entidade aprovava a adesão do país. Porém, o voto de Trump teve peso na decisão final. Fundada em abril de 1948, a OCDE possui 35 países membros. Antes da Argentina, a única nação sul-americana que estava na entidade era o Chile (ANSA).

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP