Álvaro Dias e a ‘refundação’ da República

Ontem (9), o Lide – Grupo de Líderes Empresariais reuniu empresários e autoridades políticas no Almoço-Debate com o senador e pré-candidato à Presidência da República, Álvaro Dias.

O debate foi conduzido pelo chairman do Lide, Luis Fernando Furlan. Com o tema do encontro ‘As propostas para o Brasil’, o senador falou sobre o cenário socioeconômico do País. “Estamos vendo a necessidade da refundação da República”, ilustrou. “Temos muitos problemas ainda a superar na atualidade, porém, estamos avançando e isso é parte dessa nova República.”
Dias comentou que os casos de corrupção afastaram os investidores internacionais. “Sem os casos de corrupção, o Brasil teria uma renda per capital maior, com os brasileiros vivendo em condições melhores. O contraste entre a pobreza e riqueza ainda são gritantes no País”. O crescimento da dívida pública também esteve na pauta da exposição do senador. “A má administração causou isso e prejudicou milhões de brasileiros. Sabemos que 40% do que o País produz vai para os cofres públicos, no entanto, a conta não fecha”, afirmou.
Para ele, a causa dos problemas tem como base o sistema de governança, e que é preciso um novo sistema, para evitar novos casos de corrupção. “Há uma quantidade enorme de cargos comissionados que abrigam pessoas não qualificadas para ocupá-los, em que a escolha é feita por critérios obtusos. É preciso um enxugamento de pessoal e de benefícios”.

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP