Andrés será candidato à presidência do Corinthians (2)

O famoso ex-dirigente e atual deputado federal pelo PT vai concorrer ao pleito contra Antônio Roque Citadini, Romeu Tuma Júnior e Osmar Stábile.

O nome dele foi consenso entre os membros da situação, que formam a chapa Renovação e Transparência.
Foi feita uma espécie de sondagem no clube para saber como o nome de Andrés seria aceito entre os sócios e o retorno foi bem positivo. Ele é visto como o único nome com força para derrotar Antônio Roque Citadini, favorito neste início de corrida eleitoral. Existe a possibilidade de novos candidatos serem anunciados nas próximas semanas.
O ex-presidente nega que precise passar por qualquer especulação no clube para se candidatar. “Frequento o clube desde garoto. Fui presidente por quase cinco anos e todos os sócios sabem o que fiz de certo e errado no clube. Infelizmente, as pessoas ficam falando isso e aquilo, mas quem me conhece sabe o que eu sou e o que eu fui para o Corinthians”, disse Andrés.
A visão dos representantes da Renovação e Transparência é que existe sim uma porcentagem que rejeita o ex-presidente, mas a maioria defende seu retorno ao cargo máximo do clube, que atualmente tem sido ocupado por Roberto de Andrade. Inicialmente, ele não queria ser candidato e foi convencido pelos membros do grupo. Andrés já disse algumas vezes que preferia se distanciar da política do clube, mas que estava a disposição caso fosse necessária sua maior presença.
Roberto de Andrade teve Andrés como um de seus principais cabos eleitorais para vencer a eleição passada (AE).