Robson Paniago (*)

Uma das tarefas empresariais que envolvem grandes riscos é o lançamento de produtos e serviços no mercado.

Normalmente, está em jogo uma novidade que será apresentada ao mercado: para compensar os elevados custos do lançamento torna-se necessária uma articulação mais intensa com o público; ou seja, é preciso magnetizar atenções do maior número de pessoas. A engenharia precisa realizar trabalhos para a estruturação tecnológica dos produtos a serem lançados, aprimorar características funcionais, intensificar garantias em termos de prazos e as coberturas.

Para o lançamento determinam-se as especificações técnicas desejáveis para os projetos, indicando-se tolerâncias e desempenhos desejáveis para uma ampla satisfação de necessidades de clientes. Um sistema de qualidade aprimorado e grande densidade de comunicação das características dos produtos e serviços devem se transmitidas aos clientes.

Nos lançamentos de automóveis, realizam-se normalmente expressivas mudanças estéticas e estruturais (mais profundas). Neste mercado, indicadores internacionais mostram que em poucos anos são lançados novos produtos. Isto se deve à dinâmica empregada no seu sistema de fabricação, anteriormente discutido nesta obra.

O fator tecnológico é uma das características que mais contribui para uma fixação de imagem corporativa no mercado. Elementos tais como o número de válvulas, cavalos-vapor, modalidades do sistema de injeção de combustível, o torque, o desempenho e os coeficientes de penetração aerodinâmica são valorizados, assim como condições de comodidade e conveniência.

Dos veículos extremamente pequenos (desenvolvimentos iniciais com três rodas, por exemplo), a indústria automobilística passou a construir unidades que chegavam a pesar mais de duas toneladas, com motores de 8 (oito) cilindros (ou mais), e 5.000 (cinco mil) cilindradas (ou mais). Ultimamente as carrocerias podem ser fabricadas em alumínio, ou polímeros, tais como as fibras de carbono, por exemplo, proporcionando leveza e proteção duradoura contra corrosão.

Motores são de menor tamanho, normalmente com cerca de 1.000 a 2000 cilindradas, porém recursos tecnológicos tais como turbo-compressores, 16, 24 válvulas permitem obter maior rendimento e economia em relação aos modelos anteriores. Durante a fase de lançamentos de produtos, as apreensões são muito grandes e a pressão por resultados é enorme, sendo que da magnitude da velocidade da introdução de produtos organizacionais nos mercados deriva a rentabilidade durante o ciclo de vida do produto ou serviço.

Após a introdução dos produtos nos mercados, sucede a fase de manutenção na qual as tensões são menores o trabalho de marketing se reduz ao mínimo necessário para obter resultados, no sentido de que não existam perdas em termos de participação de mercado.

Necessário se faz de tempos em tempos, que produtores realizem grandes mudanças nas suas linhas ou nos seus produtos.

(*) - É doutor em Ciências Empresariais pela Universidad Del Museo Social Argentino, mestre em Administração pela PUC-SP, especialista em Marketing pela ESPM e graduado em Administração pela Universidade São Marcos. É professor da IBE-FGV.

Mais Lidas