Contato: (11) 3043-4171

Home

Juca temporario

Jucá e o poder de dar ou não o aumento.

Foto: Wilson Dias/ABr

Brasília - O líder do governo no Senado, Romero Jucá (MDB-RR), apresentou destaque para retirar do projeto de Lei de Diretrizes Orçamentárias (LDO) de 2019 a proibição para contratações de servidores ou negociação de novos aumentos no ano que vem. Embora a área econômica seja favorável a essas vedações, o líder disse que estava atuando como “senador de Roraima”, não como liderança do governo.
“Quero me manifestar não como líder, mas como senador de Roraima São questões técnicas. O teto de gastos já é limitador, não caberia nenhum tipo de subteto quanto à despesa administrativa ou à contratação de pessoal”, afirmou Jucá. Para ele, a medida proposta pelo relator da LDO de 2019, senador Dalírio Beber (PSDB-SC), estaria interferindo em autonomia para os poderes fazerem seu próprio orçamento. “Não estou discutindo aumento ou não aumento, mas, sim, a capacidade do poder de dar ou não esse aumento”, afirmou Jucá.
Apesar da posição contrária aos interesses da área econômica, o líder do governo ressaltou que apoia a revisão dos incentivos fiscais que também foi proposta por Dalírio Beber (AE).

“Livros são os mais silenciosos e constantes amigos;
os mais acessíveis e sábios conselheiros; e os mais pacientes professores”.

Charles W. Elliot (1834/1926) Educador norte-americano

Rua Vergueiro, 2949, 12º andar – cjto 121/122
04101-300 – Vila Mariana – São Paulo - SP

Contato: (11) 3043-4171